POLÍCIA CIVIL ATRAVÉS DO GEPATRI CUMPRE MANDANDO DE PRISÃO CONTRA AUTOR DE SEQUESTRO RELÂMPAGO EM RIO VERDE.

Atualizacao por Lenil de oliveira 29/11 ás 6:59

Nesta quarta-feira (27/11/2019), a polícia civil de rio verde através do gepatri – grupo especial de repressão a crimes patrimoniais, cumpriu mandado de prisão contra Ranieri Aguiar oliveira, 22 anos, autor do Crime de Sequestro Relâmpago ocorrido na noite de 06/11/2019, na Vila Rocha, em Rio Verde/GO.

RELEMBRE O CASO

As circunstâncias do crime se deram na noite do dia 06/11, aproximadamente às 19h40min, quando a vítima se encontrava dentro de seu carro, estacionado na porta da casa de sua mãe, utilizando o telefone para avisar a mãe que havia chegado. O autor do crime então se aproximou e, utilizando de ameaça e violência,

entrou dentro do carro da vítima tomando a direção e indo rumo a um banco. No caminho disse à vítima que ela sacaria o valor que tivesse e entregaria para ele, ameaçando-a no caso de reação contrária às ordens. A vítima então desceu do veículo, entrou na agência bancária, sacou o valor de R$ 800,00 (oitocentos reais), enquanto RANIERE aguardava do lado de fora do banco. Ao retornar,

acreditando que seria liberada, a vítima entregou o valor a RANIERE. Contudo, ele a fez entrar novamente no veículo, e continuou a trafegar. Com receio de que algo pior acontecesse, a vitima pulou do veículo em movimento, vindo a se ferir gravemente. Momento que RANIERE perdeu a direção do veículo, colidindo-o. O autor empreendeu fuga e a vítima foi hospitalizada, com graves ferimentos.

De acordo com o Delegado, através do excelente trabalho da Equipe GEPATRI (Agentes Policiais Diego, Eduardo, Pedro e Luis Eduardo e Escrivã Ágatha) foram levantas imagens do local onde a vítima foi rendida e do banco onde a vítima sacou o valor, sendo possível identificar o autor. Desta forma, foi representado pela prisão preventiva de RANIERE, o que foi deferido pelo Poder Judiciário na data de ontem, 27/11/19, quando foi dado cumprimento ao mandado.

O fato, interpretado como SEQUESTRO RELÂMPAGO foi tipificado pelos artigos 158 c/c 159, § 2.º do Código Penal Brasileiro. Se condenado, o autor poderá iniciar o cumprimento de pena no regime fechado e a pena pode variar entre 16 a 24 anos de reclusão.

POLÍCIA CIVIL, A TODA HORA, TRABALHANDO EM PROL DA SOCIEDADE.

Sejam um seguidores da nossa página do fecebook

https://www.facebook.com/LENIL.2019/

Fonte notícias atual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.